Seguidores

terça-feira, 19 de maio de 2009

SER FIEL

“Que seja fiel...” – Com certeza já ouviu muitas vezes esta expressão, especialmente quando alguém descreve como gostaria que fosse o par ideal.
A fidelidade é uma das características mais valorizadas, é a mais mencionada mas, nos perguntamos:
“Será que é a mis praticada?”
Alguém até pode estar se perguntando o que tem a ver fidelidade com o cristianismo...
A fidelidade é uma das características mais valorizadas na Bíblia pelo próprio Deus. Ele mesmo nos mostra que é fiel...Ele não muda, Deus é o mesmo pela eternidade.
Aqui já podemos perceber que a fidelidade está relacionada a permanecer sem mudança: a fidelidade está relacionada à firmeza.
Na passagem de Apocalipse 2:10 Deus mesmo envia um recado à igreja: o chamado para todo cristão é: “ser fiel até à morte”. Mas o quê isso significa?
Há quem pode até pensar que é fiel porque nunca “mudou de religião” ou diz “nunca mudei de igreja” – quem faz evangelismo quantas vezes não teve que ouvir “eu nasci nesta religião e vou morrer nela?” – essas pessoas acreditam que isso é ser fiel.
Pior ainda, quantos grupos religiosos há que exigem essa fidelidade dos seus membros? – sabe-se de casos extremos de controle quase total da vida das pessoas em nome da fidelidade a Deus. Quantas vezes crianças ou jovens são levados a prometer fidelidade ao nome da sua igreja nos seus votos de 1ª comunhão?
Será essa a fidelidade que Deus valoriza?
O que significa ser fiel?
O que significa ser fiel até à morte?
Com toda convicção podemos afirmar que a fidelidade fanática a determinada igreja, a determinado grupo religioso, não é a fidelidade que Deus espera do cristão.
Fiel é alguém que adquiriu
a característica de permanecer
sem mudança nas suas posições
Mas para que assim seja, se fez necessário que essa pessoa se firmasse bem na Palavra de Deus, somente dessa maneira é que as suas posições ganharam a característica da não mudança:
Explicando: se for para apenas expressar nossas posições, nossas opiniões e não mudar, isso não passaria de mais um fanatismo entre tantos...
Porém, quando a nossa opinião foi aprendida da Palavra de Deus, aí sim, essa opinião torna-se firme, e deve permanecer sem mudança, pois a Palavra de Deus é assim: a Palavra de Deus não muda – ela não depende do homem!
Por essa razão está escrito em Lucas 21:33 “Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não hão de passar”
Somente quando as nossas opiniões, as nossas posições, estão baseadas na Bíblia, é que podemos e devemos permanecer firmes – isso é ser verdadeiramente fiel, não porque “eu acho assim” mas porque ao igual que Lutero, podemos dizer “Assim está escrito”.
Portanto, aqueles que pensam serem fiéis porque “nasceram numa igreja e vão morrer nela” não agem como o reformador, ele também nasceu na igreja dominante, mas Lutero procurou basear sua fé unicamente nas Sagradas Escrituras, e foi dali que ele, monge agostiniano, tirou toda a sua firmeza para enfrentar o maior poder da sua época. Martinho Lutero foi um cristão verdadeiramente fiel, fiel às Escrituras, fiel à Palavra de Deus, fiel ao Senhor Jesus Cristo...
Ser fiel...e fiel até à morte...é o chamado do Senhor para cada um dos seus servos. Lutero esteve disposto a ser fiel até à morte, ele não se submeteu ao grupo religioso dominante mas ao Senhor e à sua Palavra...
No seu hino mais conhecido “Castelo forte” ele diz:
“Se vierem roubar os bens, vida e o lar, que tudo se vá!”
“Que tudo se vá” Como é que Lutero podia ter essa firmeza? Alguns o consideraram fanático por ter essa posição, mas na verdade essa firmeza toda brotava da convicção que Martinho Lutero tinha no seu coração, pois ele continua no seu hino:
“Proveito não lhes dá.
O céu é nossa herança”
Ser fiel a Jesus não tem nada a ver com nascer num grupo religioso e querer morrer nele...ser fiel a Jesus é ser fiel à Bíblia.
“Sê fiel até à morte” é o recado do Senhor para cada servo, isso só é possível para quem também tem a convicção, igual que Lutero, de que “o céu é a nossa herança”
E tu, és fiel?
Fiel ao Senhor Jesus, fiel à sua Palavra?
Ou a tua fidelidade não tem nada a ver com Jesus nem com a Bíblia e sim com a tradição que recebeste como herança e na qual tens vivido até hoje?
Ainda há tempo para repensar a base da fidelidade...
Es tu fiel ao nome de um determinado grupo religioso dominante ou és fiel à Bíblia e ao Nome do Senhor Jesus?
Só Jesus pode te auxiliar através da Sua Palavra, Ele veio dar a sua vida por todos nós, os pecadores, Jesus sofreu, derramou o seu sangue na cruz do Calvário e morreu para que os arrependidos fossemos perdoados, e ao terceiro dia ressuscitou para nos dar a vida eterna.
E tu...também crês assim?
Entra em contato conosco:
igrejacristadareformaluterana@yahoo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário